Indicador de Média Móvel

É um dos indicadores mais utilizados, sua função é seguir o progresso da linha do preço e indicar sinais de que uma nova tendência se iniciou ou de que a tendência atual chegou ao seu fim. O indicador filtra a volatilidade do preço, mostra os movimentos do preço no gráfico com suavidade e define com maior clareza a tendência do preço do ativo. É assim um indicador defasado, mas que apresenta resultados muito positivos em ativos com tendências definidas.

O melhor aviso que a média móvel dá é a inclinação de sua linha, que indica a direção do preço. Uma linha ascendente mostra um ativo em tendência de alta, enquanto que uma linha descendente mostra um ativo em baixa. Quando a linha dos preços se move acima da linha de média móvel, um sinal de compra é gerado. E quando se move abaixo da linha um sinal de venda. Dessa forma, a linha de média móvel funciona como uma linha de suporte e de resistência. Será interpretada como suporte em um mercado de alta ou como resistência em um mercado de baixa. A ideia é comprar quando os preços estão abaixo da média móvel e começam a subir e vender quando os preços estão acima dela e começam a cair.

Recomenda-se o uso da média móvel exponencial ao invés da média móvel aritmética, pelo fato dessa última ser muito sensível às variações do preço. Em uma média exponencial o efeito dos preços antigos permanece e vai desaparecendo com o tempo, além disso, o dado mais recente possui um peso maior, fazendo com que a média reflita de maneira mais adequada o humor atual do mercado.

Normalmente é calculada sobre o preço de fechamento de cada período do gráfico, mas quando possível pode-se utilizar o preço médio de cada período para seu cálculo. O número de períodos para o cálculo da média móvel é o parâmetro a ser ajustado em busca de melhores resultados. Um intervalo pequeno, menor que 10 dias, gera falsas indicações. Porém, irá gerar sinais de compra e venda mais cedo do que um intervalo maior. Quanto maior o período maior será a lentidão na reação da média. Contudo, num período curto demais a média responderá diretamente às variações de preços, perdendo sua utilidade como seguidora de tendência.

"A inovação é o que distingue um líder de um seguidor".

Steve Jobs

De forma sucinta, a média móvel é uma representação suave da tendência, uma vez que ela filtra oscilações menores. É também uma região de suporte e resistência e uma das formas de se operar com este indicador é comprar quando a linha de preços cruzar acima da média e vender quando cruzar abaixo desta.

É preciso tomar cuidado com o período de dias para o cálculo da média, o mais indicado é o uso de 2 ou 3 médias móveis, uma longa, uma média e uma curta, buscando observar o cruzamento entre as médias. O ideal é associar o período para cálculo da média ao intervalo entre os eventos de relevância para o ativo. Logo, no mercado de ações o mais coerente seria ajustar o período para o intervalo de:

• Curtíssimo prazo: aproximadamente 5  dias, representando uma semana de negociação da ação.
• Curto prazo: aproximadamente 21 dias, representando todos os pregões do mês.
• Médio prazo: aproximadamente 60 dias, representando os pregões do intervalo entre a divulgação dos resultados trimestrais.
• Longo prazo: aproximadamente 245 dias, correspondente a um ano de pregões.

No gráfico temos um exemplo do uso da média móvel com período de 8 candles. O sinal de compra é dado quando os preços se movem acima da média, similar a uma quebra de resistência. O sinal de venda é dado quando os preços se movem abaixo da média, similar a uma quebra de suporte.

“Não arrisque mais do que você pode perder, mas arrisque alto o suficiente para que um eventual ganho tenha relevância”.

Ed Seykota

Uma outra possibilidade é utilizar o cruzamento de médias móveis. Por exemplo, pode-se plotar 3 médias com diferentes períodos, sendo os mais comuns 4-9-18. Esse indicador utiliza 3 médias, uma linha de 4 períodos, uma de 9 e uma de 18. Sinais de compra são produzidos quando as três médias se movem numa tendência ascendente. Sinais de venda, ao contrário, são produzidos quando as três médias se movem numa tendência descendente.

Numa tendência de baixa a  média de 4 períodos ficará abaixo da média de 9, que por sua vez ficará abaixo da média de 18. O sinal de compra acontece quando a média de 4 períodos cruza acima da média de 9. O sinal é confirmado quando as  médias de 4 e 9 cruzam acima da  média de 18.

Numa tendência de alta a média de 4 períodos ficará acima da média de 9, que por sua vez ficará acima da média de 18. O sinal de venda acontece quando a média de 4 períodos cruza abaixo da média de 9. O sinal é confirmado quando as médias de 4 e 9 cruzam abaixo da  média de 18.

No gráfico temos um exemplo do uso do cruzamento de média móvel com períodos 4-9-18 dias. O sinal de compra é dado quando a linha 4 cruza acima da linha 9 e confirmado quando ambas cruzam acima da linha 18, similar a uma quebra de resistência. O sinal de venda é dado quando a linha 4 cruza abaixo da linha 9 e confirmado quando ambas cruzam abaixo da linha 18, similar a uma quebra de suporte.

"Eu sou rico apenas porque sei quando erro. Eu basicamente sobrevivi ao reconhecer meus erros".

George Soros

Os indicadores de média móvel representam a tendência, contudo, em razão de incluírem em seu cálculo preços antigos, não possibilitam a antecipação das mudanças nas tendências, seus sinais são mais lentos se comparados a outros indicadores. Sinais de compra são indicados após o preço do ativo já ter subido consideravelmente e seus sinais de venda também vêm com atraso. Em razão disso, o investidor acaba perdendo parte do movimento de reversão e parte do lucro potencial.

A grande proeza está na determinação do número de períodos para o cálculo da média móvel, tentando torná-la mais sensível aos movimentos do preço para que os sinais não sejam muito defasados, mas não tão sensível ao ponto que pequenas correções de preço tirem o investidor do mercado.

Este indicador coloca o investidor sempre do lado correto da tendência do mercado. Mas é preciso entender que os preços dos ativos mudam seu comportamento com o tempo, ficando mais ou menos voláteis. Portanto, o numero de períodos de uma média móvel pode funcionar bem num ativo e não tão bem em outro, ou mesmo, não muito bem num mesmo ativo em momentos diferentes.

“O futuro pode ser encontrado no passado”

Steven Achelis

Adquirida já por R$ 19,50 todo o CONTEÚDO dos módulos de Introdução, Análise Técnica, Estratégias de Investimentos e Análise Fundamentalista no Ebook Capital e Valor nos formatos KindlePDF e EpubClique aqui para maiores informações!

Além dos artigos de educação financeira, o portal Capital e Valor disponibiliza Análises Financeiras, Cotações e Múltiplos calculados em Tempo Real, Evolução dos Resultados e Indicadores em Gráficos Interativos, Rankings de Desempenho Setorial e Geral das S/A, um Banco de Dados em planilha com os Resultados Trimestrais Históricos (ITR e DRE), Múltiplos e Cotações de mais de 376 empresas listadas na Bovespa, bem como um Módulo Financeiro para controle de finanças pessoais, planejamento e evolução econômica. Acesse aqui e aproveite dos nossos serviços.